Convênios e Redes

Intercâmbios Nacionais

Entre os intercâmbios nacionais destaca-se a constituição da Rede de Programas de Pós-graduação em Comunicação do Centro-Oeste, marcada principalmente pela edição conjunta da Revista ESFERAS Interprogramas de Comunicação do Centro-Oeste, com a Universidade Católica de Brasília (UCB), Universidade Federal de Goiás (UFG) e Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS).

Em 2017, durante uma das reuniões do Conselho da Compós, em São Paulo, iniciou-se tratativas pra ampliação dessa rede com a integração dos Programas da Região Norte (UFT, UFPA e UFAM), com o intuito de colaboração nos âmbitos da pesquisa, do ensino e da produção científica. A expectativa é que ainda em 2018 a nova Rede Norte-Centro-Oeste se constitua efetivamente e se iniciem as colaborações negociadas.

Também no final de 2017 foram abertas tratativas para formar aliança institucional com o PPG em Comunicação da Universidade de Sorocaba para formação de parceria com o Grupo de Pesquisa em Narrativas Midiáticas (NAMI/UNISO/CNPq) daquela Universidade e grupos de pesquisa vinculados à Linha de Pesquisa Imagem, Som e Escrita do nosso PPG.

Da mesma forma, projeto em parceira com o Grupo Transdisciplinar de Comunicação e Cultura, do Programa de Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (Grupo Marginália) redundou no livro Antonin Artaud – Insolências (Ed. Moinhos, 2018). O projeto de parceria foi desenvolvido e executado em 2017.

Outra parceria firmada foi com o Instituto Federal de Brasília, no âmbito do projeto Escola de App: enfrentando a violência online conta meninas, liderado pela professora Janara Sousa.

Também foi estabelecida parceria com Núcleo de Estudos da Paz, Departamento Penitenciário (Depen) e o Compas – Grupo de Comunicação Pública e Serviço Social, com vistas à viabilização do projeto Ouvidoria em Sistema Prisional, liderado pela docente Elen Geraldes.

Outra parceria importante é a realizada com a Secretaria de Cultura de Estado de Cultura do Distrito Federal, na área de Cultura, Artes, Cinema e Audiovisual, que tem viabilizado a participação de docentes e alunos do PPG nas diversas atividades de organização do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro e que permitiu a Produção do I Festival de Brasília de Cinema Universitário de 2017, sob a coordenação da professora Dácia Ibiapina.

Intercâmbios Internacionais

Os projetos de intercâmbio internacional do PPG-FAC/ UnB estão inseridos no Plano Estratégico de Internacionalização.

Atualmente, encontram-se em vigor os seguintes convênios:

a. Université Libre de Bruxelles (Bélgica)
O acordo se materializa por meio do projeto de pesquisa “A socialização dos jornalistas on-line, uma comparação Brasil-França”, desenvolvido pelos pesquisadores Fábio Pereira (UnB) e Florence Le Cam (ULB) com recursos do CNPq (edital Universal 2013). O projeto já deu origem a papers apresentados em Congressos e a artigos publicados em periódicos. Inclui ainda mobilidade de docentes e discentes: Em novembro de 2017, no âmbito deste acordo, ocorreu o 1º Seminário de estudos doutorais em Comunicação e Jornalismo UnB-ULB. O seminário possibilitou o encontro entre doutorandos brasileiros e belgas a partir de temas de pesquisa em comunicação e jornalismo. O objetivo foi promover as trocas entre os diferentes projetos de pesquisa individual a fim de favorecer o interconhecimento. Em seguida, constituiu-se binômios belgo-brasileiros de jovens pesquisadores que começaram a trabalhar conjuntamente em um projeto de pesquisa de pequeno porte que reúne seus interesses acadêmicos. Os resultados do projeto serão apresentados em um segundo seminário, em novembro de 2018.

b. Universidade da Beira Interior
Coordenado pelos professores Fábio Pereira e Thaïs de Mendonça Jorge o acordo visa promover o desenvolvimento de pesquisa e a mobilidade docente e discente sobretudo no campo do jornalismo e das tecnologias digitais.

c. Université du Québec à Montréal (UQÀM). O acordo teve início em 2012 e se concentra sobretudo nos campos da Comunicação Pública e Comunicação Política. O acordo já deu origem a programas de mobilidade docente e discente. O intercâmbio de pesquisadores teve reciprocidade com a chegada do professor Julián Durazzo-Hermán (UQÀM) para colaborar no PPG-FAC.

d. Journalism Students Across the Globe: Professionalization, Identity and Challenges in a Changing Environment. A pesquisa é um prolongamento do projeto internacional “Journalism Students project (JSP), encerrado no início de 2013. A partir da aplicação de um questionário busca-se analisar o perfil, valores e representações dos estudantes de jornalismo de diferentes países (são quase 30 nesta segunda edição). No Brasil, a amostra é constituída de cursos de Jornalismo de Instituições Públicas e Privadas distribuídas nas cinco regiões do país. No Brasil, o grupo é coordenado pelos professores Fábio Pereira (UnB) e Cláudia Quadros (UFPR). A coordenação internacional do grupo é de responsabilidade dos professores Claudia Mellado (Universidad de Santiago, Chile) e Folker Hanusch (Queensland University of Technology,
Australia). Mais informações em: http://www.jstudentsproject.org/

e. Le Réseau d’études sur le journalisme/ Rede de Pesquisas Sobre o Jornalismo – REJ. Projeto de pesquisa cooperativa que reúne pesquisadores do Brasil, Canadá, França e México em torno de programas de investigação sobre a produção e a mediação da informação e o jornalismo.

f. Universidad de Navarra – Acordo interinstitucional com a Faculdade de Comunicação para intercâmbio de docentes e docentes, já trouxe três estudantes em nível de Graduação. Coordenadores no Brasil: Thaïs de Mendonça Jorge e Nélia Del Bianco. Vigente a partir de 2013. O professor Pedro David Russi Duarte realizou seu estágio de pós-doutoramento na Universidade de Navarra.

Manter e expandir os 14 convênios internacionais com outros Programas, Centros de Pesquisa e instituições no país e no exterior, de modo a fortalecer o próprio PPG e o Sistema Nacional de Pós- Graduação é um dos objetivos do PPG-FAC/ UnB. Os convênios com as universidades européias e canadenses têm gerado a possibilidade de realização de doutorados-sanduíche ou de doutorados em cotutela, mas também proporcionam mobilidade de docentes e/ou discentes e o compartilhamento de saberes, mesmo dentro do país. É o caso do Journalism Students Across the Globe: Professionalization, Identity and Challenges in a Changing Environment, um projeto internacional de que o Brasil participa com a América Latina e pesquisdadores do próprio país, sobre o perfil dos estudantes de Jornalismo com vistas à proposição de melhorias para o ensino nessa área, tanto em nível de Graduação como de Pós-Graduação.

Merece ainda destaque a Escola de Verão, evento que teve sua primeira edição em 2014 com grande sucesso e é, ao mesmo tempo, resultado de trocas internacionais importantes, e gerador de uma rede de cooperação significativa no continente e com outras nações interessadas no tema da Comunicação. A rede de contatos internacionais dos docentes do PPG-FAC impulsionou a realização de vários outros eventos com pesquisadores convidados, estimulando a interdisciplinaridade que caracteriza a área.

Já a Rede de Pesquisas Sobre o Jornalismo (Réseau d’études sur le journalisme/ REJ) é um Projeto de pesquisa cooperativa que reúne pesquisadores do Brasil, Canadá, França e México em torno de programas de investigação sobre a produção e a mediação da informação e o jornalismo. O REJ já deu origem a três livros e à organização de uma série de Encontros e Colóquios, incluindo os eventos Mejor. Da FAC-UnB, integra o REJ o professor Fábio Pereira.

Outros intercâmbios firmados são:

UNIVERSITÉ DU QUÉBEC À MONTRÉAL (UQAM)
Objetivo : O Intercâmbio de estudantes inscritos nos seguintes programas: Faculdade de Comunicação da Universidade de Brasília (UNB) e Faculdade de Ciência políticas e Direito da UQAM

Université Paul- Valéry MontPellier
Objetivo : Desenvolver uma cooperação acadêmica, científica e cultural no qual as duas instituições, através da promoção da mobilidade decidem dar
início a uma Tese em Co-tutela (Raquel Rufino)

UNIVERSIDADE DO MINHO
Objetivo : Realização de um doutoramento em cotutela pelo estudante Carlos Alberto Gonçalves Fino, a efetuar na Universidade do Minho e na Universidade de Brasília

CALIFORNIA STATE UNIVERSITY FULLERTON
Objetivo : Estabelecer uma relação educacional e pedagógica mutuamente benéfica.
O presente acordo estabelece o entendimento formal sobre o objetivo das ações entre as partes e sobre as seguintes atividades

UNIVERSITÉ ALPES-GRENOBLE (FRANÇA)

UNIVERSITÉ DE RENNES 1 (FRANÇA)

UNIVERSITÉ DU QUÉBEC À TROIS RIVIERS (CANADÁ).

Também já estão encaminhadas as assinaturas dos seguintes acordos: CELSA-Paris-Sorbonne (França), Linnaeus University (Suécia), Grupo Theleme – Estudos Interartes e Intermedia, da Universidade de Lisboa (Portugal) e École Superieure du Profesorat et de l’Education (Espe – Sorbonne, Paris).
.
Em 2017, foram seis os docentes com bolsa de doutorado sanduíche no exterior:

1) Clarissa Raquel Motter Dala Senta – Université Paris – Sorbonne/França
2) Hadassa Ester David – Universidade da Beira Interior/ Portugal
3) Helena Martins do Rêgo – Universidade Técnica de Lisboa /Portugal
4) Juliana Bulhões Alberto Dantas – Universidade da Beira Interior /Portugal
5) Marina Medleg Simon – Dublin City University/Irlanda
6) Raquel de Holanda Rufino – Université Paul-ValéryMontpellier III